O poder da automação de email marketing: aprenda como usá-lo! (+8 respostas de e-mail automatizadas que convertem)
por Érico Mafra última atualização em

O poder da automação de email marketing: aprenda como usá-lo! (+8 respostas de e-mail automatizadas que convertem)

A automação de email se tornou uma peça essencial de qualquer campanha de marketing eficaz.

Com e-mails automatizados, você constrói relacionamentos duradouros e personalizados com seus clientes, vende seus produtos com mais frequência e expande seu negócio com mais velocidade.

Aqui vai uma boa notícia: você não precisa de um grande orçamento para usar um software de automação de marketing e aproveitar ao máximo a possibilidade de programar seus e-mails.

Neste artigo, falaremos sobre vários tópicos, incluindo o que é automação de e-mail e quais são as respostas automáticas mais populares que você deve enviar.

Se você estiver com pressa, use o índice abaixo e pule para a seção que achar mais interessante. Vamos lá!

ÍNDICE

O que é automação de email?

A automação de email é uma maneira de enviar mensagens aos seus assinantes de forma sequencial, com intervalos de tempo específicos entre eles. 

Esse método permite agendar seus e-mails e enviá-los em escala, o que é essencial para o bom desempenho do email marketing.

Assim como você consegue configurar uma mensagem programada no seu e-mail quando entra de férias, também pode enviar suas campanhas automaticamente.

Essa abordagem seria útil, por exemplo, se quisesse enviar um curso por e-mail, no qual cada mensagem incluísse um módulo individual. Os profissionais de marketing costumam chamá-los de drip campaigns, fluxos de nutrição ou sequências de follow-up.

Existem ciclos mais curtos de e-mails automatizados, com apenas uma mensagem. O fluxo de e-mails de boas-vindas, por exemplo, se encaixa nessa categoria. Continue lendo para ver detalhes sobre esse formato e outros mais adiante.

Como funciona a automação de email?

Para enviar campanhas de e-mail automatizadas, você precisará de uma das várias plataformas de automação de marketing disponíveis no mercado, como a GetResponse. Seja qual for a ferramenta escolhida, a lógica permanece a mesma.

Antes que alguém possa começar a receber suas mensagens, primeiro você deve especificar um conjunto de condições e colocá-las em um workflow.

Pense nisso como um cenário — quando um assinante atende às condições especificadas no cenário (por exemplo, ele preencheu o formulário de inscrição da newsletter), ele aciona o sistema para enviar seu e-mail a essa pessoa.

A vantagem do processo é a facilidade. Quando você configura seu workflow e clica em publicar, está feito! A partir desse ponto, toda vez que seu visitante atender à determinada condição específica, ele receberá seu e-mail automático.

Dessa forma, a automação de e-mail é como enviar uma mensagem personalizada aos seus clientes ou leads, sem precisar escrever uma a uma.

Além disso, muitas ferramentas de automação oferecem modelos de automação de marketing que você pode usar na hora.

5 benefícios claros da automação de e-mail marketing

Aqui estão as cinco principais vantagens de usar esse método na sua estratégia.

1. Poupa tempo

De acordo com os dados do último Relatório de Excelência em Automação de Marketing, o benefício mais impactante da automação de e-mail é a capacidade de economizar seu tempo.

Imagine que você precise enviar manualmente um e-mail de boas-vindas toda vez que uma nova pessoa se inscrever na sua lista. Ativando o modo automático, você economiza uma grande quantidade de horas que podem ser dedicadas a outras áreas do seu negócio.

2. Torna suas campanhas de marketing escaláveis

Graças à automação de e-mail, você pode expandir suas campanhas de marketing com mais eficiência.

A quantidade de tempo que você economiza aumenta de acordo com o número de campanhas automatizadas que você implanta, bem como o volume de pessoas que entram nos seus workflows.

Da mesma forma, não importa quantas pessoas recebem suas respostas de e-mail automatizadas, porque esse dado não afeta o tempo que você precisa investir para configurá-las.

3. Você pode personalizar as experiências de seus clientes

Embora alguns e-mails automatizados possam parecer robóticos, usar essa tática é uma das melhores maneiras de tornar sua comunicação mais personalizada e interativa.

Essa é uma das principais razões pelas quais os e-mails automatizados obtêm taxas de engajamento muito mais altas do que as que você veria em campanhas padrão.

O acerto na segmentação das mensagens, para que os usuários as recebam de acordo com suas ações no seu site, faz com que elas sejam oportunas e chamem a atenção dos destinatários.

O gráfico abaixo vem do Relatório de benchmarks de email marketing da GetResponse e mostra a comparação das médias de engajamento geradas por cada tipo de mensagem.

estatísticas sobre o desempenho médio de diferentes tipos de emails

4. É mensurável

Calcular o ROI do seu plano de automação de e-mail é relativamente simples.

Assim como em outras campanhas de marketing, você precisará de informações como o custo para adquirir um único cliente, o customer lifetime value (valor vitalício do cliente) e quanto custa configurar sua automação de e-mail.

Depois de configurar suas campanhas automatizadas, geralmente você só paga uma taxa mensal para continuar utilizando seu software de automação de marketing.

Então, no final de cada mês, você só precisa de pouco tempo para ver quanto lucro está obtendo com seus e-mails automatizados.

5. Combina bem com outros canais de marketing

Embora esta estratégia inclua apenas os e-mails, você pode conectar facilmente suas campanhas automatizadas a outros canais e ferramentas de marketing.

Plataformas de automação, como a GetResponse, geralmente vêm com uma variedade de ferramentas embutidas e integrações. Graças a isso, você pode conectar facilmente suas campanhas ao Facebook e Instagram ou às suas plataformas de ecommerce favoritas, como Shopify, Magento, WooCommerce ou Prestashop.

Usando aplicativos populares como o Zapier, você consegue vincular quase todas as ferramentas de marketing disponíveis no mercado, sem ter nenhum conhecimento técnico.

Além disso, as respostas dos usuários aos emails podem ofrecer insights para as suas outras táticas de marketing. Por exemplo, se você envia mensagens de recomendação de produtos aos clientes e algumas categorias de itens recebem mais cliques, pode turbinar a divulgação dessas ofertas no site, nas redes sociais e nos demais canais.

Inclusive, se você quiser conhecer as possibilidades da automação de marketing em diferentes canais, confira o ebook que lançamos sobre o tema com a Pareto, empresa especializada na programação de campanhas de mídia paga. O conteúdo está excelente!

5 dicas para usar a automação de e-mail da melhor forma e expandir seu negócio

Aqui estão 5 dicas que vão impulsionar o sucesso da sua campanha de automação de e-mail.

1. Comece com um plano

Antes de começar a criar seus workflows e e-mails individuais, vale a pena começar escrevendo todo o cenário. Uma folha em branco já serve.

Comece escrevendo o básico – foque no que não está funcionando, o que você deseja conquistar, o que quer comunicar e para quem. Depois de fazer isso, ficará mais fácil configurar suas sequências de e-mail automatizadas.

2. Crie seus modelos de e-mail de uma só vez

Depois de ter seu plano pronto, é uma boa ideia preparar todo o conteúdo que você planeja colocar em seus e-mails. Se o seu objetivo é criar uma sequência de automação mais longa, faz sentido criar um padrão de design para os seus e-mails.

Você pode aprender mais sobre os diferentes formatos de mensagem experimentando o nosso editor de e-mails drag-and-drop, mas a ideia geral é criar todos os blocos de construção de e-mail de uma vez. Depois de criar esses modelos e escrever o seu conteúdo, você não gastará horas criando suas mensagens.

Preste atenção se suas mensagens têm uma boa aparência em todos os dispositivos e se seu conteúdo é acessível. Esses pontos vão evitar que você caia na pasta de spam e aumentar o engajamento.

Confira os vários templates de e-mail disponíveis na biblioteca da GetResponse e defina quais deles você vai querer utilizar na sua automação.

3. Documente suas campanhas

Os profissionais de marketing, às vezes, se empolgam e criam vários workflows e sequências de e-mail que não são fáceis de gerenciar.

Se você quer executar suas campanhas de e-mail automatizadas com maestria, vale a pena armazenar informações essenciais em uma planilha.

Coisas como quais workflows você criou, seus objetivos, o público-alvo ou tags que você atribuiu aos destinatários— todas essas informações podem favorecer uma gestão mais eficiente da sua estratégia de automação.

Além disso, documentar suas campanhas facilitará a sua comunicação sobre elas com o pessoal da sua equipe.

4. Avalie as métricas certas

Embora seja uma mão na roda conseguir configurar suas sequências rapidamente e seguir para outros projetos, é essencial acompanhar os KPIs de sua campanha.

Anote o objetivo por trás de sua campanha e como você vai medi-la. Quer priorizar as taxas de abertura, cliques ou conversões? Ou talvez visitas à loja virtual ou inscrições em webinars?

Depois de descobrir isso, verifique novamente se o design de seus e-mails reflete esse KPI. A chamada à ação (CTA – call to action) está clara e bem localizada?

Seu público saberá o que você quer que eles façam? Coloque-se no lugar do usuário e avalie se o formato do e-mail e o conteúdo transmitem a lógica que você quer implantar na mensagem.

5. Fique de olho em suas campanhas

Em algum momento, você pode acabar executando várias campanhas automatizadas e até esquecer que elas existem e estão ativas. E isso pode virar um problema.

Por isso, vale a pena anotar a data em que você revisitou seus workflows pela última vez e programar notificações futuras para verificá-los novamente.

Fazendo isso, você consegue evitar erros comuns como:

  • levar seu público a páginas quebradas;
  • usar gráficos e conteúdos desatualizados;
  • analisar métricas e fontes antigas.

Se você gosta de usar conteúdos com um toque bem-humorado, precisa ter atenção redobrada para descobrir se o seu conteúdo pode ser considerado insensível.

8 tipos de respostas automáticas de e-mail que você deve enviar hoje

Agora que você sabe o que é automação de e-mail e como ela funciona, provavelmente está se perguntando como pode usá-la na prática para acelerar o crescimento do seu negócio.

Como você está prestes a ver, a automação de e-mail não é reservada para um só tipo de negócio ou setor. Empresas de diferentes tamanhos ou que oferecem variados produtos podem, e devem, usar desse recurso em toda a jornada do cliente. Também é um ótimo trampolim de engajamento em estratégias de marketing de afiliados.

Abaixo, você encontrará 8 tipos de respostas de e-mail automatizadas com exemplos e dicas para os setores que podem aplicá-las.

E-mail de agradecimento

No marketing, você pede constantemente aos seus visitantes que façam algo por você, como inscrever-se na newsletter, baixar um e-book, preencher uma pesquisa – isso soa familiar?

Agora vamos imaginar esse cenário no mundo offline. Se você está pedindo para alguém fazer algo por você, o mínimo que você deve fazer é agradecer, ou então devolver o favor. É simples.

O bom é que fazer isso online é tão simples quanto offline. Tudo o que você precisa fazer é enviar um e-mail de agradecimento automático logo após a execução de uma ação.

Para tornar a mensagem ainda mais agradável, você também pode adicionar um cupom de desconto, crédito na loja ou entrega gratuita – assim eles saberão que sua ação foi reconhecida!

Os e-mails de agradecimento geralmente são enviados por meio de fluxos de nutrição de marketing ou autoresponders. E eles têm um ótimo desempenho.

Como você pode ver em nosso estudo recente, sequências de e-mails de resposta automática (que geralmente incluem e-mails de agradecimento e boas-vindas) recebem uma taxa de abertura média de mais de 90%. Engajamento de milhões, não é?

exemplo de email de agradecimento ao cliente
Exemplo de e-mail de agradecimento enviado pela agência LiveSEO em comemoração ao Dia do Cliente.

E-mail de boas-vindas

Por que e-mails de boas-vindas são necessários?

Como já comentamos no nosso artigo sobre automação para ecommerce, existem algumas formas de mostrar como sua empresa difere das outras, e uma delas é fazer o público se sentir bem recebido com um email de boas-vindas personalizado.

Incrivelmente, e-mails de boas-vindas geram uma taxa de abertura média de 68% e uma taxa de cliques de mais de 23%. Em outras palavras, receber seu novo inscrito/cliente é ótimo para gerar engajamento.

Mas vamos dar uma olhada nisso tudo de uma forma diferente.

Vamos supor que você está organizando um jantar. O que faria se alguém respondesse ao seu convite e chegasse à sua porta? Muito provavelmente, você cumprimentaria a pessoa e mostraria sua casa a ela.

Embora uma inscrição na newsletter se pareça mais com uma reunião de negócios do que com uma festa, isso não significa que você deva jogar suas boas maneiras pela janela.

Agradeça-os por se inscreverem, dê as boas-vindas à assinatura, ou informe com que frequência você entrará em contato com eles e que tipo de tópicos você vai abordar.

Faça com que eles se sintam especiais e deixe-os saber o quanto é especial para você que tenham dedicido manter contato com a sua marca e/ou usar seus produtos.

exemplo de mensagem de boas-vindas enviada por email
Exemplo de email de boas-vindas da McAfee

Seu pedido está a caminho

E-mails de confirmação de pedidos e transações são populares entre as empresas de ecommerce. Mas qualquer outra coisa relacionada ao produto que foi comprado – nem tanto.

Os clientes que estão esperando a entrega de seu pacote provavelmente estão animados e, às vezes, até um pouco ansiosos.

Pense um pouco. Você acabou de encomendar flores ou chocolates para aquela pessoa especial no Dia dos Namorados.  Você quer ter certeza de que elas chegarão a tempo. Se chegarem muito tarde, mesmo que por apenas um dia – já era!

Esses tipos de e-mails automatizados se encaixam perfeitamente nos e-mails do Dia dos Namorados e em várias outras ocasiões de comunicação!

Se você pode fornecer conteúdo útil sobre o produto, por exemplo, como usá-lo da melhor forma, o que vestir com ele, ou até mesmo como trocá-lo, você pode tornar essa espera ainda mais emocionante. Assim como a espera para abrir os presentes de Natal.

Diga a eles o porquê da decisão que tomaram foi excelente, mostre o que os outros disseram sobre a compra e deixe-os engajarem nas redes sociais. É assim que as boas comunidades de marca são construídas.

exemplo de email enviado por um e-commerce de moda
Exemplo de email de “seu pedido está a caminho” da marca de moda Posthaus.

E-mails de avaliação do produto

Marketing não é só sobre vender. Trata-se de antecipar e satisfazer as necessidades do cliente. Os lucros acontecem naturalmente depois.

Você não deve se preocupar com o seu público apenas até o momento em que ele faz o pedido e esquecê-lo logo em seguida. Pelo contrário, precisa manter contato com eles mesmo depois de receberem o produto e terem tido a chance de usá-lo.

Se quiser construir relacionamentos autênticos, você precisa perguntar se eles estão satisfeitos com o que compraram ou contrataram. Qual foi a reação inicial deles e se mudou ao longo do tempo. Só então você pode realmente dizer que se importa com a opinião deles e que usará isso para tornar seus produtos ainda melhores.

Existem diferentes maneiras de obter esse insight, sem dúvidas. O melhor seria enviar um e-mail automático após a compra, pedindo que seus clientes deixem uma avaliação.

Solicitar avaliações dos produtos tem outra vantagem. Você pode usar as informações coletadas para tornar suas mensagens de marketing ainda mais convincentes, porque a prova social faz maravilhas!

exemplo de um email de satisfação do cliente
Uma mensagem de satisfação com o produto pode ser interativa, com uma votação de notas como essa, para gerar dados relevantes sobre as percepções dos clientes.

Recomendações

O objetivo do marketing moderno é agregar valor e apresentar ofertas relevantes ao seu público.

Em outras palavras: sugerir produtos ou serviços que não somente resolvam os problemas dos clientes, mas também que representem algo a que eles queiram estar associados.

Se você realmente quer agregar valor aos seus compradores, deve prestar muita atenção em como eles interagem com sua marca. Quais produtos eles visualizam ao navegar no site?Quais eles compram com mais frequência? Com quais estão satisfeitos?

Observar esses pontos é fundamental para fazer recomendações que sejam adaptadas às necessidades de seus clientes.

Em vez de deixar com que eles naveguem em seu site em busca de inspiração, mostre a eles o que tem de melhor.

modelo de email com recomendações de produtos com descontos
Criar listas de descontos é uma ótima maneira de gerar conversões nos e-mails automáticos de recomendação de produtos.

Atualizações do blog

Caso tenha interessa em marketing de conteúdo ou ecommerce, é provável que você tenha um blog. Não apenas para escrever posts, mas também para atrair novas pessoas para o seu site.

Se você conseguir responder às perguntas que fazem e resolver os problemas que geralmente encontram, já terá uma grande chance de sucesso.

Seja para falar sobre atualizações de produtos ou tópicos que seus clientes acham úteis, você deve enviar atualizações automatizadas de blog (e-mails RSS) à sua lista de e-mails.

Por quê? Você pode estar se perguntando. Porque são seus seguidores atuais que devem ter a chance de acessar seus artigos em primeira mão. Assim, eles terão o benefício de ver suas novidades em pouco tempo e você terá uma informação real sobre a repercussão do público.

É uma situação vantajosa para todos, e, se você comunicar esse benefício bem o suficiente, mais pessoas vão querer estar em sua lista de e-mails.

Sem falar do fato de que e-mails RSS automatizados conseguem taxas de abertura 20% mais altas do que outras newsletters típicas.

exemplo de email com atualizações de um blog
Exemplo de e-mail com atualizações do blog do Avinash Kaushik.

Seu cupom de desconto expira em breve

A maioria dos ecommerce tenta reconquistar seus clientes usando cupons. Seu valor comercial é indiscutível.

Porém, há um problema com descontos, cupons e outros incentivos semelhantes. Se forem usados com muita frequência, eles não apenas reduzirão suas margens, mas também terão um impacto na postura do seu público.

Pode ser até que alguns de seus clientes deixem de comprar pelo preço normal, porque saberão que outra promoção vai acontecer em breve.

É por isso que os descontos devem ser usados com sabedoria. Se eles são valiosos de verdade, não podem ser distribuídos como folhetos por aí.

Você deve não apenas oferecê-los com menos frequência, mas também lembrá-los que o cupom vencerá em breve, ou que a promoção vai acabar. Deixe claro que é por tempo limitado e que, se quiserem ter as melhores ofertas, precisam agir rapidamente.

Nas suas campanhas de email para a Black Friday, por exemplo, você pode aplicar essa técnica com precisão.

Usar a ferramenta de automação de e-mail para enviar um lembrete sobre o vencimento do cupom é uma boa tática que pode ajudar o cliente a aproveitar ao máximo seus incentivos.

Essa tática tem o potencial de aumentar sua taxa de conversão, permitindo que você encontre a frequência certa de descontos e evitando o efeito negativo na imagem da sua marca e nas margens de lucro.

E-mails de abandono de carrinho

De acordo com um estudo da SalesCycle, mais de 68% de todos os carrinhos de compras online são abandonados. É um problema sério para a maioria dos negócios de ecommerce, mas não é irremediável.

Além de usar o redirecionamento (retargeting), você pode recuperar carrinhos abandonados usando os famosos e-mails de abandono de carrinho. São mensagens enviadas automaticamente logo após alguém sair do seu site sem completar um pedido.

Atuando como um lembrete, elas pode melhorar sua taxa de conversão, especialmente se seus clientes estiverem realmente interessados na oferta. Os e-mails de abandono de carrinho funcionam bem porque são oportunos e relevantes.

Se você quiser que eles tenham um impacto ainda maior, também pode oferecer uma entrega gratuita ou um cupom em uma dessas mensagens e verá que alguns de seus clientes vão retornar para completar a compra.

Os e-mails de abandono de carrinho são muito eficazes! E se estiver usando a GetResponse, você pode configurá-los com facilidade.

Dependendo do software de ecommerce que estiver usando, existem algumas maneiras de fazer isso.

Se você estiver usando Magento (1.9 ou 2), PrestaShop ou WooCommerce, basta usar uma de nossas integrações plug and play.

Caso use uma plataforma de ecommerce diferente ou personalizada, terá que adicionar o código de rastreamento JavaScript às suas páginas.

Além disso, abaixo está um exemplo de um e-mail de abandono de carrinho (ou melhor, abandono de página) enviado pela Timberland.

É um exemplo interessante, pois não apenas mostra o produto visto no site da Timberland, mas também fornece algumas recomendações adicionais.

Não tenho certeza do quão personalizado eram esses produtos, pois ainda não tinha comprado nada no site. Pode ser que eram apenas alguns outros produtos da mesma coleção que eu estava olhando.

De qualquer forma é uma abordagem interessante que pode ser implementada de maneira bem simples e ajudar marcas de ecommerce como essa a gerarem mais lucro.

exemplo de email de carrinho abandonado enviado pela marca Timberland
novo exemplo de email de recuperação de carrinho de compras enviado pela marca Timberland

Configurando sua primeira automação de e-mail

Sobre suas primeiras campanhas de automação de e-mail, é normal ter muitas perguntas. Aqui estão algumas das mais frequentes:

A automação de e-mail é difícil de configurar?

Não! A automação de e-mail pode parecer um processo complicado de início, mas praticamente qualquer pessoa consegue fazê-la, especialmente se usar um editor drag and drop.

Com o editor visual de workflows da GetResponse, você consegue garantir que seus e-mails cheguem aos destinatários no momento certo, definindo facilmente condições simples de if/then (se/então).

No editor de automação da GetResponse, você pode criar fluxos de emails programados apenas selecionando os campos na coluna à direita e soltando-os na caixa ao lado.

O que preciso ter antes de configurar uma automação de e-mail?

Antes de lançar sua primeira automação, você precisa resolver algumas questões. Primeiro, terá que definir ou segmentar suas listas de inscritos no e-mail. Isso garantirá que apenas aqueles que realmente querem ver seus e-mails os recebam.

Em seguida, você deverá criar e-mails personalizados para cada situação e que estejam prontos para fazer parte da sua sequência automatizada.

Quanto tempo tenho que esperar para ver resultados da minha automação de e-mail?

É possível ver resultados instantâneos nas suas campanhas. Ao automatizar o onboarding do cliente, você pode começar a nutrir seus leads imediatamente, com a chance de gerar conversões.

Com que frequência devo enviar e-mails?

A frequência dos e-mails depende completamente da característica da sua base de contatos. Em geral, os e-mails projetados para o onboarding dos clientes ou e-mails de boas-vindas devem ser enviados assim que a pessoa se inscreve na sua lista de e-mail.

Os e-mails de agradecimento também devem ser enviados imediatamente após um cliente realizar uma ação que merece um agradecimento. No entanto, você pode querer apenas enviar um e-mail mensal ou quinzenal de newsletters e outras publicações.

Quantos e-mails devo enviar aos meus inscritos?

Não existe uma regra definitiva sobre quantos e-mails você deve enviar. Você precisa encontrar a quantidade específica com base em sua lista de e-mail, e isso é muito particular.

No entanto, uma coisa é certa. Não bombardeie seus assinantes com inúmeros e-mails. Isso só vai aumentar sua taxa de cancelamento de inscrições.

Seu próximo passo

Você acabou de ver 8 exemplos de e-mails automatizados que podem ser usados por empresas de várias áreas. Agora é a hora de colocar a mão na massa.

Percorra o caminho da inscrição como se fosse um visitante, analise o que está bem feito e o que precisa ser atualizado. E use esse artigo como inspiração para suas futuras campanhas! Envie e-mails bem feitos e relevantes para receber o agradecimento do seu público.

Experimente o editor de automação da GetResponse sem custos por 30 dias e comprove o poder dessa funcionalidade para a sua estratégia!

Inscreva-se para receber dicas atualizadas e os posts mais populares

A GetResponse S.A. precisa dos dados contidos neste formulário para lhe enviar os materiais solicitados. Para mais informações, leia a nossa Política de Privacidade.

Agradecemos a sua inscrição!

Enviaremos um email de confirmação em breve.

Escreva para o blog da GetResponse!

Escreva para nós